O CÉU É O MEU TETO,A TERRA É MINHA PÁTRIA,A LIBERDADE É A MINHA RELIGIÃO!

segunda-feira, 29 de junho de 2009

DEIXA...

DEIXA-ME SER O SOL DA TUA VIDA,
O TEU MAIOR ANSEIO E A TUA SEDE...
DEIXA-ME SER A COR MAIS FORTE E SENSUAL:
O VERMELHO, O LARANJA, O AMARELO,
NA PALETA CINZENTA DOS TEUS DIAS.
TU ÉS PARA MIM A ESTRELA VESPERTINA,
A LUZ PÁLIDA DA LUA EM NOITE ESCURA...
TEU PERFIL, TEU OLHAR, SEDUTORES, CRUÉIS,
FICAR-ME-ÃO, PRA SEMPRE, NA RETINA!

POR MAIS QUE EU SOFRA E CHORE
A DOR, SEM REMÉDIO, DA SAUDADE,
TU PARECES O DISTANTE E FRIO MAR AZUL
OU UM OCEANO FUNDO E CONGELADO,
PONDO ABISMOS INFINITOS
ENTRE NÓS DOIS
COMO UMA IMENSA PRAIA DESOLADA...

DEIXA-ME SER, PORTANTO, O TEU AMOR!
DEIXA-ME SER COMO SOU: CALOR E CHAMA!
QUE EU INFLAME, AQUEÇA E DESCONTROLE
TODA A FRIEZA, A RAZÃO E A SERIEDADE
DAS PROFUNDEZAS GELADAS
DA TUA ALMA!

Cezarina Macedo Caruso/2003.

3 comentários:

Marise Catrine disse...

Deixa-me pedir que navegues até ao meu blogue e recolhas mais uns docinhos.

;)

Beijos

~*Rebeca e Jota Cê *~ disse...

Cigana linda,

Frieza de uma alma não sabe ser amada com um coração quente feito o seu. Todos os seus poemas são marcantes e fortes. Essas músicas que você coloca de fundo, dizem muito da sua personalidade. Você transmite um mistério gostoso...

Beijo imenso, Cezarina.

Rebeca

-

cezarina disse...

GRACIAS AMIGAS!AGRADEÇO OS SELOS À MARISE E AGRADEÇO À REBECA PELAS LINDAS PALAVRAS!SOU MESMO UM ALMA DE PAIXÕES INTENSAS...BEIJOS!